Uso da Crase no dia-a-dia para a Escrita Correta

Uso da Crase no dia-a-dia para a Escrita Correta

Uso da Crase no dia-a-dia para a Escrita Correta

Uma dúvida que muitas pessoas tem e também cometem esse erro quase que sem perceber “o uso da crase no dia-a-dia para a escrita correta”, inclusive pra mim, muitas vezes fico na dúvida. E para não ter que ficar procurando na internet e deixar anotado em papel, resolvi escrever esse artigo, simples e direto como deve ser! Vamos lá?

Veja aqui abaixo neste artigo o uso de quanto usar a Crase e quanto não usar Crase:

Uso da Crase no dia-a-dia para a escrita correta

em https://brasilescola.uol.com.br/gramatica/uso-ou-nao-crase-na-indicacao-horas.htm

Uso da crase na indicação de horas

Usamos a crase na indicação de horas, exceto se o artigo definido feminino (a/as) estiver precedido das preposições ‘até’, ‘ desde’, ‘após’, ‘entre’ e ‘para’.

De acordo com a Gramática da Língua Portuguesa, devemos utilizar o acento grave (crase) como indicativo de horas.

Veja os exemplos:

  • Retornaremos às 14h.
  • Às sete horas inicia o meu plantão.
  • Conto com você hoje às 20:30h.

Exceções da regra: quando NÃO usar o acento grave no indicativo de horas:

Há cinco preposições que não permitem a utilização de crase para a indicação de horas: “até”, “após”, “desde”, “entre” e “para”.

Veja os exemplos:

  • Retornarei após as 17h.
  • O passeio está marcado para as 8h.
  • Estou esperando desde as 15h30.
  • Sairemos de São Paulo entre as 14h e as 18h.
  • O supermercado fica aberto até as 22h.

Veja mais:

https://duvidas.dicio.com.br/das-9h-as-18h-ou-das-9h-as-18h/

A forma correta de escrita é das 9h às 18h, com crase. A construção das 9h as 18h, sem crase, está errada.

Representada com acento grave, a crase é a contração de duas vogais iguais, sendo a contração mais comum é a da preposição a com o artigo definido feminino a: a + a = à. Assim, para que ocorra crase é necessário que haja a preposição a e o artigo definido a indicativo de uma palavra feminina.

Na construção das… às… ocorre crase porque há uma determinação das horas. Ocorre a contração da preposição de com o artigo as antes da primeira horas (de + as = das), ocorrendo também a contração da preposição a com o artigo as antes da segunda hora (a + as = às).

  • Exemplos com das… às…
  • Eu trabalho das 12h às 20h.
  • A loja está aberta das 10h às 23h.
  • O equipamento estará em funcionamento das 9h às 11h.

Crase na indicação de horas:

Na indicação de horas, ocorre crase quando é feita uma indicação exata e determinada das horas.

Exemplos de indicação de horas com crase

  • A reunião começa às 11h.
  • O ônibus chega às 14h.
  • Todos os dias eu acordo às 6h.

Não ocorre crase com as preposições para, desde, após e entre.

Exemplos de indicação de horas sem crase

  • A reunião foi marcada para as 11h.
  • Estou esperando o ônibus desde as 14h.
  • Todos os dias eu acordo entre as 6h e as 7h.
  • Não o poderemos atender após as 18h.

Abreviatura da palavra horas

A abreviatura correta da palavra horas é apenas um h minúsculo. A abreviatura hrs está errada, bem como as abreviaturas com letra maiúscula e ponto.

  • Formas corretas: 5h, 18h, 23h, 9h,…
  • Formas erradas: 5h., 18hrs, 23hr, 9H.

Outro exemplo: quando escreve “Das 8h”, fica evidente que o artigo está presente (das = preposição de + artigo as); logo, antes de 18h dever-se-á também utilizar o artigo para manter o paralelismo. Ou seja, “Das 8h às 18h” – com acento indicativo de crase. Caso algum felizardo comece a trabalhar às 8h e encerre a labuta às 18h, essa, portanto, será a única maneira correta de escrever.

Agora, outra coisa bem diferente é “de 8h a 18h”. Note-se que, em “ele trabalha de 8h a 18h horas por dia”, não se refere a “quando” ele começa e termina, mas sim ao “número” de horas de trabalho que são cumpridas.

Curta e compartilhe essa post com seus amigos.

Envie seu comentário